Páginas

sábado, 22 de setembro de 2012

O que faz um... Prefeito?

De 2 em 2 anos são promovidas eleições no Brasil, que renovam os quadros que nos representam tanto no Legislativo quanto no Executivo nas esferas municipais, estaduais e nacional. Por exemplo, em 2010, elegemos Deputados Estaduais e Governador, Deputados Federais, Senadores e a Presidente da República. Agora, em 2012, elegeremos o Prefeito e os Vereadores. Mas o que faz o Prefeito?

O Prefeito e seu vice, comandam o Poder Executivo municipal, assumindo funções e responsabilidades sobre a administração dos serviços públicos municipais.

No Brasil, se exige que o candidato a prefeito tenha no mínimo 21 anos, e este deve ser eleito por sufrágio universal, secreto, direto, em pleito simultâneo em todo o País, realizado a cada quatro anos, no primeiro domingo de outubro. Em cidades com mais 200 mil eleitores, caso nenhum candidato obtenha mais de 50% dos votos válidos, ocorre o 2º turno; uma nova disputa em que os dois candidatos mais bem colocados no 1º turno ganham mais algumas semanas para apresentar suas propostas para a cidade e esta por sua vez, seleciona por maioria simples o candidato de sua preferência.

Entre as funções do Prefeito, destacam-se:
- exercer o Poder político e adminsitrativo no município
- intermediar com outras esferas de Poder, políticas públicas e invetsimentos que beneficiem o município
- coordenar políticas públicas
- zelar pela limpeza urbana
- garantir Transporte público
- coordenar o trânsito na cidade
- coordenar postos de Sáude, creches e escolas municipais
- planejar o desenvolvimento do município
- apresentar projestos de lei à Câmara Municipal de vereadores
- avaliar, sancionar ou vetar, e publicar os projetos de lei aprovados na Câmara Municipal de vereadores
- administrar os impostos e taxas municipais e aplicá-los em melhorias para a população

Como se percebe, o cargo de Prefeito tem importantes funções e grandes responsabilidades. As decisões tomadas pelo Prefeito afetam diretamente a vida dos cidadãos de cada um dos municípios brasileiros. Portanto, votar com consciência é fundamental para que os eleitores não se arrependam e não sejam prejudicados pelos maus adminsitradores do bem público que são assim, ou pela corrupção, ou pela incompetência.

Há bons políticos nas cidades, que disputam a eleição para servir ao povo, e não servir-se deles, assim, basta que você estude as propostas e a biografia dos candidatos, pois a sua decisão irá refletir diretamente, no futuro de sua cidade.

Um comentário:

  1. Estou usando hj o seu blog para dar aula de história!!!

    ResponderExcluir